[ editar artigo]

A ESSÊNCIA DO MARKETING

A ESSÊNCIA DO MARKETING

Descobri recentemente que a expressão Marketing Digital não é a forma mais correta de falar e isso para uma pessoa com formação acadêmica em Administração de Empresas como eu, foi libertador!

Escutando essa expressão, eu que já tenho mais de 20 anos de formada e até pouco tempo atrás me encontrava afastada do meio acadêmico, me sentia excluída do Marketing como se eu não soubesse mais nem do que se tratava, era como se ele agora estivesse em outro patamar e nenhum dos meus conhecimentos da universidade nem muito menos dos anos de experiência no mercado de marketing e vendas, não tivessem valor nenhum. Mas eis que voltar a estudar me abriu os olhos e me fez conhecer pessoas e ideias extraordinárias, uma delas é a de que o Marketing nunca deixou de ser marketing, como eu pensei, ele evoluiu sim como tudo e todos, mas para que possamos dominar o mundo digital temos que conhecer o velho marketing, agora repaginado e cada vez mais forte, por isso a expressão mais correta a se dizer é “Marketing na Era Digital”! Adorei essa expressão, ela me parece mais autêntica e como todos nós estamos vivemos na Era Digital, ela também nos aproxima mais do Marketing.

E o que é Marketing? Se você ainda não conhece uma definição (são várias) vou te contar um pouco da mais resumida e a meu ver, a mais completa: “Marketing é a atividade humana dirigida para a satisfação das necessidades e desejos, por meio de processos de troca” – Philip Kotler. Podemos observar que a definição não fala sobre tecnologia ou sobre onde o marketing é feito, se em jornal ou em rede social, a definição e a essência do marketing falam sobre pessoas, suas necessidades e desejos e principalmente sobre troca. Marketing é essencialmente a entrega de satisfação para o cliente em forma de benefício, ou seja, o marketing não cria necessidades para o seu consumidor a função dele é influenciar desejos e para que seu consumidor compre de você é necessário que seu produto ou serviço tenham valor para ele. Cada parte dessa troca tem que ter algo de valor para o outro, sendo assim, não basta você criar um produto, produzi-lo, precificá-lo, colocá-lo nas prateleiras e anunciá-lo. Antes de qualquer coisa, você tem que se fazer várias perguntas: quem irá comprar de mim? Por que? Para satisfazer qual necessidade? Qual real desejo? Como chegar nessa pessoa? Como conquistá-la?

Muita coisa mudou do início da primeira revolução industrial até hoje, a Era Digital revolucionou o acesso à informação, estamos a um clique de qualquer resposta, nos interagimos e nos comunicamos de forma cada vez mais veloz e global e a nossa conexão com o mundo está literalmente na palma de nossas mãos. Com tudo isso, não podemos nos relacionar com nosso cliente como antigamente, não basta apenas um anúncio ou um outdoor, precisamos criar experiências encantadoras antes, durante e depois da compra, caso contrário, ele compra do concorrente que pode estar em qualquer lugar do mundo ou pior, compra de nós uma única vez e passa o resto da vida falando mal. Estamos vendo bem na nossa frente o empoderamento do consumidor conectado que já conhece todas as opções de produtos antes mesmo de nos procurar, que entra em contato com outros consumidores e se informa sobre as vantagens e possíveis desvantagens de ser nosso cliente, que já assistiu vários tutoriais no YouTube sobre as opções no mercado.

A nova abordagem do marketing nos exige conhecimentos de seus conceitos tradicionais e do seu mix aplicado às plataformas inovadoras que estão disponíveis, mas sempre com os olhos voltados ao seu público ao seu mercado e suas evoluções.

Marketing na Era Digital
Aline Carvalho Bassoi
Aline Carvalho Bassoi Seguir

Co-fundadora da Blá Mídia, graduada em Administração, pós graduanda em Marketing Digital - Negócios e Estratégias, mãe de duas menininhas lindas, amante de atividades físicas e de alimentação saudável e crossfiteira de coração.

Ler conteúdo completo
Indicados para você