[ editar artigo]

A inteligência artificial vai devolver a humanidade para os seres humanos

A inteligência artificial vai devolver a humanidade para os seres humanos

A inteligência artificial está cada vez mais frequente em nossas vidas.

Não sem razão, muitos estão encarando este avanço da inteligência artificial como uma ameaça a uma infinidade de empregos: operadores de telemarketing, motoristas, secretárias, digitadores, e outros mais, estão com os dias contados a medida que as novas tecnologias de inteligência artificial se desenvolvem.

As profissões com mais risco são aquelas repetitivas e que seguem um roteiro, um script.

As máquinas levam grande vantagem sobre os humanos nestas tarefas repetitivas: elas são mais rápidas, mais precisas e nunca cansam.

Uma concorrência injusta, concorda?

É impossível o homem competir com a máquina nestas funções.

A derrota está decretada...

Mas será que isto é ruim?

Muitos destes trabalhadores estão nestes empregos apenas para ter um salário no final do mês para suprir suas necessidades básicas de alimentação e moradia.

Poucos, exercem sua função laboral por propósito e amam realmente o que fazem.

Você quer saber se uma pessoa trabalha por propósito? Faça a seguinte pergunta: Se você não precisasse do salário do final do mês, você continuaria trabalhando de graça?

Poucos diriam sim a esta pergunta.

Segundo o Fórum Econômico Mundial, no relatório The Future of Jobs de 2020, as principais habilidades do profissional do futuro serão:

1- pensamento analítico e de inovação

2- aprendizagem ativa e estratégias de aprendizado

3- resolução de problemas complexos

4- pensamento crítico e análise

5- criatividade, originalidade e iniciativa

6- liderança e influência social

7- uso, monitoramento e controle de tecnologia

8- programação e design de tecnologia

9- resiliência, tolerância a estresse e flexibilidade

10- racionalização, resolução de problemas e ideação

11- inteligência emocional

12- troubleshooting e experiência do usuário

13- orientação a serviço

14- análise e avaliação de sistemas

15- persuasão e negociação

Você percebeu alguma semelhança entre estas habilidades do profissional do futuro?

Todas estas habilidades são habilidades que somente o homem pode realizar. São estas habilidades que o homem supera a máquina (pelo menos até a singularidade).

Quem sabe a medida que a inteligência artificial substitui o homem nos "empregos" repetitivos, ela estará, na verdade, libertando o homem destas funções e devolvendo a humanidade ao ser humano.

Todos poderão trabalhar com propósito e motivados.

Será este o legado do advento da inteligência artificial para a humanidade?

Marketing na Era Digital
Rogerio Chinen
Rogerio Chinen Seguir

Ola meu nome é Rogerio Chinen. Medico formado ha 16 anos, atuando na area de transplante renal. Ha uns 5 anos, ampliando meus conhecimentos para outras areas alem da medicina. Fiz curso de design thinking, criatividade, desenvolvimento pessoal, etc.

Ler conteúdo completo
Indicados para você