[ editar artigo]

E-books: marketing de leads ou de conteúdo?

E-books: marketing de leads ou de conteúdo?

Se tem algo revolucionário nesse momento que vivemos é o acesso a informação de qualidade e gratuita. A Internet democratizou a cultura e rompeu muitas barreiras, e estamos apenas no começo desse processo.

Voltando poucas décadas atrás vemos que o conhecimento era algo restrito e o aprendizado limitado a sala de aula, com pouco acesso a livros, que muitas vezes eram limitados a disponibilidade das bibliotecas públicas.

Possuir uma enciclopédia Barsa era o sonho de muitos – e era exatamente assim que elas eram vendidas – para fornecer acesso ao conhecimento sua casa – algo valorizado pelos pais que muitas vezes compravam em longas parcelas e com dificuldades (ainda existem e custam mais de R$ 1.000), buscando facilitar o acesso de seus filhos ao aprendizado, muitas vezes vislumbrando um futuro melhor. Claro que por ser um objeto de desejo na época, também era frequentemente utilizado como um excelente elemento decorativo nas estantes...

Retornando ao momento presente, vemos que a difusão da informação vai muito além dos livros. O advento dos leitores digitais como o Kindle e sua popularização, democratizaram o formato eletrônico e sua crescente adoção, inclusive em smartphones, abriu caminho para a criação de muitos outros materiais, trazendo também o surgimento de diversos formatos de guias. E, claro, simplificou demais a vida dos autores, ao reduzir a necessidade do material impresso.

Sete passos para vender mais, como emagrecer em cinco dias, tenha seu e-commerce de forma fácil, 8 dicas para cuidar dos seus cabelos. E muitos outros. De certa forma, vemos uma banalização dessa ferramenta e podemos estar próximos a exaustão, não pela falta, mas sim pelo excesso de informação. Um ponto a ser observado ao aplicar essa estratégia.

Recentemente baixei um e-book voltado a captura de leads, ação correta dentro do funil. Um material muito bom, mas de 100 páginas com um excelente design. Sem dúvida, outra revolução no acesso à informação.

Esse tipo de cuidado e carinho com os e-books, eleva o padrão dos materiais e exige muito mais dos criadores de conteúdo na busca por relevância. Com a enorme profusão de material gratuito, uma batalha por diferenciais está se estabelecendo e usar o e-book apenas como uma forma de obter dados iniciais parece ser muito pouco frente ao potencial dessa ferramenta.

Certamente os formatos simples continuam sendo mais diretos e proveitosos, muitas vezes precisamos de um guia rápido para algumas tarefas e a capacidade de síntese ajuda muito. Porém entendo ser muito importante buscar sempre elevar o padrão de qualidade do conteúdo. Pense a respeito em seu próximo e-book!

Marketing na Era Digital
Edgar Galbiatti
Edgar Galbiatti Seguir

Gerente de marketing com grande experiência em empresas de bens de consumo e B2B com grande experiência. Sou mestre em Marketing pela Mackenzie e também atuo na área de ensino. Apaixonado por História e um aprendiz incansável.

Ler conteúdo completo
Indicados para você