[ editar artigo]

Como atrair a atenção do consumidor e se destacar em um mundo cada vez mais competitivo

Como atrair a atenção do consumidor e se destacar em um mundo cada vez mais competitivo

Diante de um mundo cada vez mais complexo e mais competitivo, não é fácil atrair (e reter) a atenção do consumidor. Ao mesmo tempo em que temos mais oportunidades com novos recursos e tecnologias que têm surgido para facilitar nosso dia a dia como profissionais de marketing; não é fácil encontrar o consumidor/saber onde ele está, conhecer seus hábitos, chamar sua atenção, se destacar perante os demais e finalmente, fazer com que ele goste de nossa marca/produto/serviço, passando a comprar o que estamos oferecendo e então, indicar a um amigo/parente.

As novas tecnologias que têm surgido estão transformando a realidade das pessoas, mudando o cotidiano e a forma de se trabalhar, o tempo todo. Além disso, situações cada vez mais imprevisíveis, ficando mais difícil de se traçar um planejamento e criar estratégias.

Podemos dizer que a tecnologia é o principal causador de mudanças. Portanto, precisamos usá-la a nosso favor, para darmos conta de tudo e entender nosso público e então, descobrir quais novos produtos e serviços e experiências posso oferecer.

Dessa forma, se quisermos nos diferenciar, precisamos proporcionar momentos, experiências para despertar percepções e sentimentos nas pessoas: “O que tenho de diferente dos meus concorrentes?” Fazer uso dessas ferramentas auxilia a fidelização de marca.

Experiências e conexões

Mas não basta estar em todas as plataformas por exemplo, é preciso estar onde meu público está, descobrir o que estão fazendo, o que estão sentindo, etc. Ir além da tecnologia: emoção, ética e empatia – isso gera experiência e então, podemos dizer que é possível ter vantagem competitiva.

Experiência positiva: gratificação para já – as pessoas não têm paciência pra esperar, querem tudo pra ontem.

Mais do que atender as atuais necessidades dos consumidores, as empresas que querem oferecer essa experiência incrível devem se preparar para atender as demandas que os clientes ainda não sabem que têm.

Aí que entram os gatilhos mentais, que são as decisões que o cérebro toma no nível do inconsciente. Saber estimulá-los é uma poderosa arma de persuasão e geração de resultados para marketing e vendas.

É preciso antecipar o futuro e para isso é necessário analisar os dados e interpretar as informações que os consumidores estão passando. E ser ágil para agir e reagir.

E com tudo isso, tentar sobreviver a esse caos de informação, fazendo parcerias colaborativas onde cada um participa com sua expertise – no que faz de melhor. Assim, não preciso ter conhecimento em todas as áreas, posso me especializar e ter parceiros em diferentes áreas.

Analisando esses pontos que foram abordados, entendemos que o alcance, a forma de se relacionar com o cliente, entendê-lo e entregar o que ele está procurando e precisando e ainda, no momento e local certos, não é uma tarefa fácil. Mas utilizando tecnologia, conhecimento – que pode ser colaborativo, fazendo testes e se utilizando de outras ferramentas, é possível sim ter sucesso. Basta correr atrás!

Marketing na Era Digital
Ler conteúdo completo
Indicados para você